Como comprar imóvel em leilão?

Como comprar imóvel em leilão?

 

Como comprar imóvel em leilão?

O que é leilão?

O leilão é uma modalidade de venda ao público que se caracteriza por vender os bens materiais em questão a uma melhor oferta, ou seja, o bem mencionado é ofertado sem o estabelecimento de um valor pré-determinado e vendido a quem pague o melhor preço.

No entanto, pode acontecer que o proprietário do bem decida estabelecer um preço base, ou seja, o produto não poderá ser vendido abaixo do valor determinado.

 

Quem pode participar do leilão?

Leilão é público, portanto podem participar pessoas físicas e jurídicas.

O que é lance?

Lance a oferta para pagamento em reais por um determinado lote previamente demonstrado a ser adquirido.

Como faço um lance?

Basta levantar a mão acenando para os leiloeiros.

Você precisa saber:

  • Nos sites dos principais bancos que possuem linha de crédito imobiliário é possível encontrar a agenda dos leilões e a relação de imóveis residenciais e comerciais que irão a leilão.
  • Examine o edital do leiloeiro com atenção. Confira as formas de pagamento previstas, a comissão da empresa leiloeira, que geralmente é de 5%, e se o imóvel está sendo oferecido sem pendências.
  • Pesquise sempre os valores dos imóveis, nem sempre a avaliação para o leilão está correta, por isso é interessante contar com o auxílio de um corretor de imóveis de confiança que conheça bem a região onde o mesmo está localizado e tenha o valor real em mãos.
  • Prefira os imóveis desocupados. Ações de emissão de posse podem demorar e se o imóvel também estiver enrolado em outras ações judiciais, a chance de você não conseguir usá-lo é bastante grande.
  • É preciso tirar certidões negativas no cartório de registro de imóveis e no judicial para ter certeza que ele não corre o risco de ser penhorado em razão de outras pendências; consultar as receitas estadual e federal para saber se não há pendências relativas a atividades comerciais passadas no imóvel; e também verificar dívidas relativas a IPTU e condomínio.
  • No edital do leilão você encontra todas as regras sobre as condições de pagamento, porém é importante salientar que você deve arcar com o pagamento de 05% da comissão adicional ao leiloeiro, em geral deve-se pagar à vista o valor correspondente a 30% do imóvel e em alguns leilões é permitido o uso do FGTS. Se for optar pelo financiamento do restante do imóvel, deve-se obter a linha de crédito antes do leilão.
  • Tente visitar o imóvel com antecedência. Mesmo que não consiga entrar, veja como ele está por fora, converse com vizinhos, analise fotos. Se puder contar com o auxílio de profissionais de arquitetura e engenharia, melhor ainda. Isso é importante porque os custos com reformas podem fazer com que o barato saia caro no final.
  • Saia de casa com o lance máximo definido e resista à empolgação. É papel do leiloeiro criar um ambiente de competição bem acirrada e você precisa saber até onde deve e pode ir. Lembre-se sempre o motivo de participar de um leilão é sair ganhando.
  • Se comprar realmente o imóvel, não se enrole para registrar o arremate. Isso é importante principalmente caso o imóvel seja alvo de outras ações e outros possíveis leilões.

 

 

 

 

 

  • Excelente
  • Ótimo
  • Bom
  • Regular
  • Indiferente
Sending
User Review
0 (0 votes)

Brasil Consultas

Sistema Online de consultas de dívidas e informações cadastrais de CPF, CNPJ e Veículos.

Adicione um comentário