ME: Microempresa

Sabemos que abrir uma empresa é um sonho para muita gente. Todo ano, centenas de empresas são iniciadas no mercado, todas com um sonho de se tornarem referência em seu ramo de atuação, e assim, conquistarem cada vez mais clientes.

Apesar de o empreendedorismo ser algo bastante buscado nos contextos atuais, poucos conhecem as etapas de abertura de uma empresa, especialmente uma ME. Diferente de outros tipos de negócios, ela assume alguns processos de abertura diferente, e por esse motivo, precisamos relatar alguns pontos importantes.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, confira o nosso post até o final e saiba o passo a passo necessário para abrir uma microempresa.

Boa leitura!

Afinal, o que é uma ME?

Sigla para Microempresa, essa modalidade nada mais é do que uma sociedade empresarial, cuja composição é feita por um ou mais sócios. Além disso, esse tipo de empresa deve possuir um faturamento anual dentro dos requisitos estabelecidos pelo órgão competente de sua escolha. Atualmente, o faturamento para uma microempresa foi definido como R$300 mil, em seu valor bruto.

Entretanto, caso a organização tenha um valor acima de 300 mil, ela é considerada uma empresa de pequeno porte. Sendo assim, ela possui normas de funcionamento que podem ser diferentes de uma microempresa, por exemplo.

Por outro lado, caso você perceba que esse valor está muito acima do que a sua marca consegue faturar atualmente, talvez seja melhor avaliar as possibilidades do enquadramento para um MEI (Microempreendedor Individual).

Como abrir uma microempresa (ME)?

Agora que você já sabe o conceito de um ME, está na hora de saber o passo a passo necessário para você abrir uma empresa desse tipo. Confira abaixo quais são eles:

1. Comece pelas questões burocráticas

Devemos lembrar que antes mesmo de abrir uma microempresa, é necessário resolver algumas questões que podem ser um pouco mais complexas e burocráticas.

De forma prática, uma das primeiras preocupações do empreendedor é fazer um Registro na Junta Comercial da cidade em que a empresa será instalada. Alguns documentos serão solicitados neste processo, como por exemplo:

  • Cópia de RG e CPF autenticada, bem como dos respectivos sócios da empresa;
  • FCN (Ficha de Cadastro Nacional) modelos 1 e 2, em uma única via;
  • Requerimento de Empresário Individual ou Estatuto, ou Contrato Social, em três vias;
  • Requerimento Padrão (Capa da Junta Comercial), em uma via;
  • Pagamento da DARF.

Após todo esse processo, sua empresa irá receber o NIRE (Número de Identificação do Registro da Empresa) que acaba sendo semelhante à certidão de nascimento para pessoas físicas. Assim, através da NIRE, o próximo passo será obter o CNPJ do seu negócio.

Nesse momento, também pode ser interessante aproveitar para definir o tipo de regime que a sua empresa irá se enquadrar. Atualmente, sabemos que há três tipos. São eles:

  • Lucro Presumido;
  • Lucro Real;
  • Simples Nacional.

Depois de escolher o seu melhor enquadramento, está na hora de obter o Registro Municipal ou a Inscrição Estadual. Lembrando que esse registro é apenas para setores que possuem como atividade a produção de bens ou venda de mercadorias. De forma mais detalhada, ela é indicada para comércio, indústria, comunicação, energia e serviços, entre outros relacionados.

2. Notas Fiscais e funcionários

Depois de cumprir toda a questão burocrática dita acima, a sua microempresa já está totalmente habilitada para estar funcionando. Contudo, precisamos ressaltar que ainda faltam duas etapas importantes. Essas etapas irão definir a contratação de colaboradores, bem como a venda de produtos e serviços.

Sendo assim, o primeiro passo, nesse quesito, é realizar o cadastro na Previdência Social. Esse processo é altamente importante, pois caso sua empresa decida contratar trabalhadores, é preciso se responsabilizar com as obrigações trabalhistas a cada um deles.

Embora você decida contratar somente um colaborador, ou só os sócios nesse começo de negócio, esse cadastro é crucial para realizar o pagamento de tributos que serão incididos no seu enquadramento. De forma prática, o prazo estabelecido para cadastro em uma Agência da Previdência é de 30 dias após o início das atividades.

Nessa última etapa, você só vai precisar do aparato fiscal para que o seu negócio consiga funcionar sem nenhum tipo de problema. Depois disso, será necessário fazer a solicitação da autorização dos livros fiscais. Sem contar que as notas fiscais também precisam estar anexadas a estes documentos.

Caso você não saiba, esse procedimento pode ser feito na prefeitura de sua cidade. Logo, com o aparato fiscal já registrado e ativo, sua empresa já pode começar suas atividades, de forma eficiente e legal.

O passo a passo mais rápido

Chegando até aqui, talvez você pense que o processo aparenta ser muito longo e complexo. Contudo, pode ficar tranquilo, pois o seu andamento é mais rápido do que você imagina.

Assim, para finalizar esse artigo, preparamos um passo a passo ainda mais rápido, para fique ainda melhor de lembrar das etapas da abertura da sua ME. E o melhor: de forma ainda mais otimizada.

Veja abaixo um resumo de tudo o que você precisa fazer:

  • Definir o tipo de atividade econômica no qual sua microempresa vai se encaixar;
  • Escolher o regime de tributação que ela mais se enquadra;
  • Obter o NIRE na Junta Comercial mais próxima de você;
  • Solicitar o seu CNPJ na Receita Federal;
  • Obter o Registro Municipal ou a Inscrição Estadual;
  • Realizar o cadastro da sua empresa na Previdência Social;
  • Obter o aparato Fiscal.

Pronto! Agora ficou ainda mais fácil entender todas as etapas que você precisará completar para conseguir abrir uma microempresa.

Conclusão

Conforme pudemos ver, o empreendedorismo é um sonho para muitas pessoas que desejam ter mais liberdade financeira e um legado com o seu nome. Embora pareça complexo e taxativo, o ato de empreender demonstra um aspecto importante em nossa personalidade, que é a capacidade de liderar um negócio de forma eficiente e torná-lo cada vez mais competitivo no mercado.

Portanto, agora que você já sabe como abrir uma ME, que tal conhecer os nossos serviços? Acesse agora mesmo o nosso site e saiba como podemos te ajudar a finalmente empreender no mercado.

Sending
User Review
5 (2 votes)

Brasil Consultas

Sistema Online de consultas de dívidas e informações cadastrais de CPF, CNPJ e Veículos.

Adicione um comentário