O que é reciclagem?

 

O que é reciclagem?

É o processo que visa transformar materiais usados em novos produtos com vista a sua reutilização.

Por este processo, materiais que seriam destinados ao lixo permanente podem ser reaproveitados.

É um termo que tem sido cada vez mais utilizado como alerta para a importância da preservação dos recursos naturais e do meio ambiente.

O que pode ser reciclado?

Jornais, revistas, cadernos, livros, papel de seda, caixas de papelão, cartolinas, papel kraft, caixas tipo longa vida, potes, tampas, garrafas PET, embalagens de produto de limpeza, baldes e utensílios de cozinha, latas e objetos de alumínio, cobre, chumbo e bronze, fios, tampinhas, garrafas de vidro, copos de vidro, pratos, entre outros objetos que você tem dentro de casa.

Quais materiais mais “inusitados” podem ser reciclados?

Canetas sem carga, escovas de dente, sacos e sacolas, embalagens de marmitex, arames, chapas, canos, grampos e clips são alguns exemplos.

Pode reciclar isopor?

É possível reciclar alguns tipos de isopor.

Dá para reciclar papel higiênico e guardanapo?

Não, por serem muito gordurosos, estes papéis perdem valor no mercado.

É possível reciclar materiais eletrônicos?

Sim. Resíduos como pilha, bateria de celular, lâmpadas e aparelho eletroeletrônicos têm de ser levados em empresas que reciclem lixo eletrônico.

As pessoas podem deixar este tipo de material nas lojas que vendem estes produtos.

Em sites como o Ecycle também dá para procurar pontos de coleta próximos.

Na hora da compra, é melhor levar produtos em saquinhos ou latinhas?

Tanto faz, as duas embalagens têm seus valores no mercado da reciclagem. A latinha de alumínio possui maior valor, uma vez que é feita de minério da bauxita.

Precisa lavar as embalagens?

Não precisa lavar o lixo, o importante é só retirar o excesso de comida do objeto.

Se a pessoa for ficar muito tempo com esse material dentro de casa, ela pode passar alguma água de reúso, depois de lavar a panela, por exemplo, para evitar odores.

Se for poucos dias, até uma semana, pode só fechar a embalagem.

O que fazer com o lixo orgânico?

A maior parcela do lixo doméstico é de resíduo orgânico e dá para reaproveitar fazendo composteira dentro de casa.

É simples. Na internet, tem várias dicas. Desta forma, se reduz a quantidade de lixo que vai para um aterro sanitário.

O que não dá para reciclar?

Papéis: carbono, celofane, papel vegetal, papel fotográfico, fitas e etiquetas adesivas, papéis metalizados, parafinados ou plastificados;

Plástico: acrílicos em geral, adesivos, tomadas, embalagens com material corrosivo e tóxico, espumas, plásticos “termofixos” (utilizados em telefone, computadores, teclados);

Metais: esponjas de aço e latas de aerossol, tinta ou pesticidas;

Vidro: espelhos, lâmpadas, cristal, vidro plano, cerâmica e porcelana.

Separar o lixo reciclável e mandá-lo no caminhão comum adianta alguma coisa?

Não adianta, algumas pessoas acreditam que nos lixões há catadores que podem separar este material.

Quando o caminhão despeja o material no aterro, um trator passar por cima do lixo, onde ainda será despejada uma camada de terra.

Neste local, não é permitida a entrada de catadores.

Dá para reciclar medicamentos?

Não. De acordo com a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), não é possível reciclar remédios.

Em algumas cidades, há iniciativas locais de coleta, como em algumas redes de drogarias.

Porém, não existe nenhuma lei que obrigue as farmácias a recolherem medicamentos.

 

  • Excelente
  • Ótimo
  • Bom
  • Regular
  • Indiferente
Sending
User Review
0 (0 votes)

Brasil Consultas

Sistema Online de consultas de dívidas e informações cadastrais de CPF, CNPJ e Veículos.

Adicione um comentário